Total de visualizações de página

quinta-feira, 28 de abril de 2011

ILUSÕES DO AMANHÃ. POEMA DE UM ALUNO DA APAE.

Porque eu vivo procurando um motivo de viver, se a vida às vezes parece de mim esquecer?


Procuro em todas, mas todas não são você.

Eu quero apenas viver, se não for para mim, que seja para você...

Mas às vezes você parece me ignorar, sem ao menos me olhar, me machucando pra valer.

Atrás dos meus sonhos eu vou correr, eu vou me achar, pra mais tarde em você me perder.

Se a vida dá presentes pra cada um, o meu, cadê? Será que esse mundo tem jeito? Esse mundo cheio de preconceito... Quando estou só, preso na minha solidão, juntando pedaços de mim que caíam ao chão, juro que às vezes nem ao menos sei, quem sou.

Talvez eu seja um tolo, que acredita num sonho.

Na procura de te esquecer, eu fiz brotar a flor, para carregar junto ao peito e crer que esse mundo ainda tem jeito. E como Príncipe sonhador... Sou um tolo que acredita, ainda no amor!

Ele tem 28 anos, com idade mental de 15. Peço que divulguem para prestigiá-lo...

Se uma pessoa assim acredita tanto, porque as que se dizem normais não acreditam?

Príncipe poeta (ALEXANDRE LEMOS- APAE)

Esse poema foi escrito por um aluno da APAE, chamado pela sociedade de excepcional...

EXCEPCIONAL É A SUA SENSIBILIDADE!

Essa é uma mensagem de amor, fé e esperança em dias melhores que eu passo para os amigos, na véspera de um casamento sensacional, também de um Príncipe, que de certa forma também passou por momentos dramáticos com a morte violenta de sua mãe.

6 comentários:

ArcadoAutoConhecimento disse...

Lindo e comovente. Beijos e fique com Deus.

Zen disse...

Olá Maria José, a sua presença em meu blog é sempre um prazer para mim. Beijo. Sandra.

Entrevidas disse...

Esses meninos são muito capazes as vezes nos sulpreende. Beijos

Graça Pereira disse...

Eles "pensam" com a alma...é diferente, por isso este texto é tão belo!
Beijo
Graça

Zen disse...

Queridas amigas Entrevidas e Graça eu concordo plenamente com vocês, essas crianças são sensacionais e nos surpreendem a todo o momento. Beijos.

Élys disse...

Agradeço por sua visita em meu blog. Gostei muito daqui e vou ficando.
Escolhi este post para comentar pois, é de uma sensibilidade maravilhosa, me comoveu.
Élys.